#SínodoAmazônico: O documento final é apresentado na Sala do Sínodo, amanhã a votação

Na presença do Papa Francisco, durante a 15ª Congregação Geral do Sínodo Especial dos Bispos da Região Panamazônica, realizada na tarde deste dia 25 de outubro, teve a apresentação do Documento Final e a eleição dos Membros do Conselho Pós-Sinodal. 182 Padres sinodais estiveram presentes na Sala.

São 13 os Membros do Conselho para a concretização da Assembleia Especial da Amazônia, eleitos nesta tarde de sexta-feira (25/10) por maioria absoluta. Seus nomes representam os principais países que compõem a região: 4 vêm do Brasil, 2 da Bolívia, 2 da Colômbia, 2 do Peru, 1 das Antilhas, 1 da Venezuela e 1 do Equador. Aos membros eleitos hoje se unirão outros três de nomeação pontifícia. O Conselho será responsável pela atuação das indicações do Sínodo.

Apresentação do Documento

Imediatamente após a votação, a 15ª Congregação viu o Relator Geral do Sínodo e Presidente da Rede Eclesial Panamazônica, cardeal Cláudio Hummes, apresentar na Sala do Sínodo o Documento final dos trabalhos. Ao introduzir o texto, o cardeal destacou o grande trabalho realizado pela Comissão de Redação do documento, assim como pelos Círculos Menores, que apresentaram numerosas emendas. O texto, disse ele, faz parte de um momento de emergência ecológica, no qual é necessário agir e não adiar. A preservação da Amazônia, enfatizou, é fundamental para a saúde do planeta e a Igreja tem consciência disso, consciente de que é necessária uma conversão integral para uma ecologia integral. A Igreja, de fato, ouve o grito dos povos da Amazônia e o grito da terra, que são o mesmo grito, expressão também de uma grande esperança. O Sínodo, concluiu o cardeal, serve para alcançar uma comunhão eclesial, com Pedro e sob a orientação do Papa.

Amanhã a votação

Na manhã deste sábado, 26 de outubro, os Padres sinodais poderão dedicar-se a uma releitura individual do texto, enquanto na parte da tarde, durante a 16ª Congregação Geral, se procederá à votação. Finalmente, segundo a tradição das Assembleias Sinodais, o Papa ofereceu a todos os participantes do Sínodo um dom especial: a medalha do Pontificado para o ano de 2019, representando a Amazônia.

Fonte: vaticannews.va/pt

74%

PROJETO JUNTO AO CORAÇÃO

74%

PROJETO JUNTO AO CORAÇÃO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *